Segunda-Feira, 16 de Setembro de 2019
Cultura

Vândalos depredam monumento a Zé do Cavaquinho, zombam e postam vídeo do ato nas redes sociais

Por: Vale Agora Web em 08/09/2019 às 15:25
Monumento destruído por vândalos. (Foto: Redes Sociais).

Monumento destruído por vândalos. (Foto: Redes Sociais).

A escultura de Zé do Cavaquinho, que fica na praça do cinema (Praça Apolinário Rebelo), foi depredada, parcialmente destruída por vândalos, nas primeiras horas da manhã deste domingo (08). A escultura teve os braços e pé arrancados, além do cavaquinho.

José Rodrigues de Moura, o Zé do Cavaquinho, nasceu no dia 10 de dezembro de 1911. Era um “ser ecológico”, segundo seu grande amigo Teotônio Vilela: (Menestrel das Alagoas) “dependia do ambiente para viver, e seu ambiente era Viçosa”.

Do bar Trovador Berrante, na Praça Apolinário Rebelo, ele fez o ponto de encontro dos intelectuais, escritores, músicos, contadores de histórias e boêmios em geral que viveram na Viçosa nos anos 60 e 70. Do seu cavaquinho saíram composições que encantaram até Waldir Azevedo, o criador do chorinho “Brasileirinho”.

A escultura em sua homenagem foi erguida na administração do prefeito Peri Brandão, entre 2005 a 2008. Outros ataques à escultura de Zé do cavaquinho já foram registradas, o monumento chegou a ficar recolhido ao bar Trovador Berrante em um período da administração do prefeito Flaubert Filho, mas em 2018 o atual prefeito, David Brandão autorizou uma reforma que foi feita pelo artista capelense, João das Alagoas.

Esse mais recente ato de vandalismo contra monumento teve proporções bem maiores que os anteriores, chamando a atenção de munícipes que se revoltaram e usaram as redes sociais para denunciar os vândalos, que alem de tudo, gravaram em vídeo e postaram nas redes sociais.

Vandalismo virou o assunto do dia nas Redes Sociais.

Vandalismo virou o assunto do dia nas Redes Sociais.

Segundo informações obtidas junto à assessoria de comunicação da prefeitura de Viçosa, a prefeitura do município já mobilizou o Conselho de Cultura que tem a frente a arquiteta Manuela Ribeiro, e que em breve estará emitindo uma nota para a população e a imprensa, da atitude que o município tomará para que os órgãos de segurança pública possam buscar identificar os vândalos para que sejam tomadas as medidas cabíveis.

Por Marcos Silva

Jornalista MTE/AL1529

 

 

 

 

Foto do monumento antes de ser destruída - Foto Júlio Caio Vasconcelos.jpg

Foto do monumento antes de ser destruído. Foto: Júlio Caio Vasconcelos.

 

 

Notícias Relacionadas

Não há comentários.

Deixe um comentário