Sexta-Feira, 17 de Novembro de 2017
Economia

Restituição do IR vai injetar R$ 20 milhões na economia em Alagoas

Por: Vale Agora Web em 16/10/2017 às 9:45

csm_dinheiro2_08_4f13505e83A Receita Federal vai pagar, nesta segunda-feira, 16, R$ 20.499.811,09 referentes a restituições do Imposto sobre a Renda da Pessoa Física para 15.256 contribuintes que entregaram suas declarações em Alagoas. Deste montante, R$ 19.523.811,70 serão pagos a 14.695 pessoas que prestaram contas ao fisco federal em 2017. Os outros R$ 975.999,39 serão pagos a 561 pessoas que corrigiram os erros de suas declarações entregues em exercícios anteriores.

O dinheiro será depositado na conta bancária do contribuinte, informada na declaração de ajuste anual. No geral, cada contribuinte vai receber, em média, R$ 1.343,72 Com mais este lote de restituição, a Receita totaliza, neste ano, o pagamento de R$ 133.011.004,35 a 79.740 contribuintes.

O contribuinte que não tiver sua restituição creditada poderá comparecer, pessoalmente, em qualquer agência do BB ou ligar para a Central de Atendimento por meio do telefone 4004-0001 (capitais), 0800-729-0001 (demais localidades) e 0800-729-0088 (telefone especial exclusivo para deficientes auditivos) para agendar o crédito em conta corrente ou poupança, em seu nome, em qualquer banco.

Para saber se a declaração foi liberada da malha, o contribuinte deverá acessar a página da Receita na Internet, ou ligar para o Receitafone 146. Na consulta à página da Receita, serviço e-CAC, é possível acessar o extrato da declaração e ver se há inconsistências identificadas pelo processamento. Nesta hipótese, o contribuinte pode avaliar as inconsistências e fazer a autorregularização, mediante entrega de declaração retificadora.

A Receita disponibiliza, ainda, aplicativo para tablets e smartphones que facilita consulta às declarações do IRPF e à situação cadastral no CPF. Com ele será possível consultar, diretamente nas bases da Receita Federal, informações sobre liberação das restituições do IRPF e a situação cadastral de uma inscrição no CPF.

Fonte: Assessoria RF

Notícias Relacionadas

Não há comentários.

Deixe um comentário