Quinta-Feira, 14 de Dezembro de 2017
Geral

Estado autoriza construção de barragem na cidade de União dos Palmares

Por: Vale Agora Web em 10/04/2017 às 8:12

201704091933_08bcf016d8O governador Renan Filho assinou durante a 6ª edição do Governo Present a, ordem de serviço que garante a construção da primeira barragem de nível do município de União dos Palmares, no interior de Alagoas. A obra é mais uma ação emergencial do Estado para minimizar os efeitos da seca na Zona da Mata alagoana, com prazo de 30 dias para ser executada.

Para solucionar o déficit de abastecimento de água em União dos Palmares, o Governo de Alagoas investe R$ 290 mil para a construção da barragem, a ser erguida em caráter definitivo, no rio Mundaú. Até o momento, apenas estruturas paliativas eram utilizadas no município, a exemplo de sacos de areia.

A medida irá beneficiar famílias como a de Dona Maria José da Silva, moradora do Loteamento Roberto Correia. Segundo a aposentada, ela já chegou a passar mais de um mês sem uma gota de água dentro de casa.

“Quando o rio secou, a dificuldade foi grande. Passei um mês sem água na rua. Aos poucos, a água tem chegado, mas, ainda assim, é com muita dificuldade. Tem dia que chega e outros que ela nem dá sinal, como hoje de manhã”, revelou.

A situação é semelhante para Jó da Silva, outra moradora do loteamento. “A gente quer tomar banho, lavar roupa, cozinhar, lavar os pratos, limpar a casa. Mas, não tem água suficiente. Então, a gente tem que ir a pé, a lugares mais distantes, buscar água pra tudo, até pra beber. E, no meu caso, que tenho uma criança de dois anos, a situação fica muito mais difícil”, explicou.

Devido a casos como esse, a Secretaria de Estado da Infraestrutura (Seinfra) elaborou projeto capaz de atender à demanda da população de União dos Palmares e aportou recursos exclusivos do governo estadual para a execução dos trabalhos. Com isso, após a conclusão da nova barragem, o município terá capacidade de até 120 dias para captação da água no rio Mundaú, mesmo em períodos de pouca chuva.

“É uma obra aparentemente simples, pequena, mas de grande impacto para a população. Trazer água para quem não tem é devolver a dignidade de um povo. Precisávamos encontrar medidas de convivência com a seca em nosso Estado e nós não só estamos encontrando como tornando possível ações efetivas de melhorias, pensando a curto e longo prazo”, destacou a secretária de Estado da Infraestrutura, Aparecida Machado

 Por Gazetaweb, com Agência Alagoas 

Notícias Relacionadas

Não há comentários.

Deixe um comentário