Quinta-Feira, 04 de Junho de 2020
Interior

Vândalos danificam patrimônio histórico de Cajueiro

Por: Vale Agora Web em 03/12/2014 às 1:02
Foto: Val Marks

Foto: Val Marks

Cajueiro possui um monumento histórico na entrada principal da cidade. Trata – se da escultura de um homem sentado, um cajueiro e dois burros. Segundo a história, viajantes  provenientes do agreste e do sertão com destino ao litoral, marcavam encontro com os companheiros de viagem em baixo de um grande cajueiro para descansar, o qual ficava situado numa área de paisagem, às margens do Rio Paraíba.

Daí  surgiu o nome da cidade. Hoje, o monumento é a referência do município. Porém, muitos não a respeitam e vândalos arrancaram as orelhas das esculturas dos animais, danificando assim esta obra de arte.

Mas o costume de ficar embaixo dela não morreu. Vários adultos e crianças moradoras dos conjuntos próximos a ela gostam de conversar e até descansar em baixo dela.

Em anos anteriores, ela havia sido completamente restaurada, no entanto, agora sofre essa ação criminosa. Segundo o Código Penal (Lei Nº 2.848/40) este ato é  crime. Ainda  sobre Dano ao Patrimônio Público ressalta a lei:

Art. 163 – Destruir, inutilizar ou deteriorar coisa alheia:

Pena – detenção, de 1 (um) a 6 (seis) meses, ou multa.

Parágrafo único – Se o crime é cometido:

I – com violência à pessoa ou grave ameaça;

II – com emprego de substância inflamável ou explosiva, se o fato não constitui crime mais grave;

III – contra o patrimônio da União, Estado, Município, empresa concessionária de serviços públicos ou sociedade de economia mista;

IV – por motivo egoístico ou com prejuízo considerável para a vítima

Pena – detenção, de 6 (seis) meses a 3 (três) anos, e multa, além da pena correspondente à violência.

 

Com isso, a população deve ficar alerta e denunciar os responsáveis para que este patrimônio seja resguardado.

Por assessoria

Notícias Relacionadas

Não há comentários.

Deixe um comentário