Segunda-Feira, 09 de Dezembro de 2019
Polícia

Preso na PB responde por assaltos, homicídios, grupo de extermínio e milícia

Por: Vale Agora Web em 09/08/2019 às 15:49

Um acusado com extensa ficha criminal foi preso pelas forças de segurança na Paraíba, nessa quinta-feira (8). Dário César Nascimento de Lima, de 29 anos, também é citado pela autoria da morte de um sargento da Polícia Militar e considerado um dos foragidos mais procurados de Alagoas.

A assessoria de comunicação da Secretaria da Segurança e da Defesa Social da Paraíba (Seds) informou por nota que “o acusado responde por assaltos, tráfico de drogas, homicídios, milícia, grupo de extermínio e latrocínio. Ele é apontado como autor do assassinato de um policial militar, em Alagoas. O acusado foi encaminhado para a Delegacia de Repressão a Entorpecentes e, em seguida, deverá seguir para seu estado de origem”.

A Polícia Civil da Paraíba informou – em entrevista à imprensa – que a equipe do estado estava atuando junto à PC alagoana para prender Dário César. Há cerca de 60 dias os investigadores acompanhavam a rotina do acusado, levantando informações sobre sua moradia, até que conseguiram localizá-lo no município de Lucena, interior da PB.

Policiais militares deram apoio à operação que culminou com a prisão de Dário César  e deu cumprimento aos mandados de prisão que existiam contra o acusado.

No portal da PC de Alagoas, o delegado Gustavo Henrique – que é coordenador da Delegacia de Narcotráfico (Denarc) – informa que ele fugiu de Alagoas, onde teve a prisão decretada e estava escondido em Fagundes, distrito do município de Lucena, na Paraíba. Uma equipe de investigadores da Delegacia de Narcotráficos foi para João Pessoa para participar da operação que resultou na prisão do acusado.

Dário César estava foragido há quatro anos e tinha três mandados de prisão, entre homicídios e tráfico de drogas, sendo considerado de alta periculosidade.

 

 

Por Gazeta Web

Notícias Relacionadas

Não há comentários.

Deixe um comentário