Sábado, 31 de Outubro de 2020
Polícia

Sobrevivente de atentado movido por vingança está estável, afirma HGE

Por: Vale Agora Web em 02/05/2020 às 21:04

O estado de saúde de Eduardo Jorge Pereira, de 33 anos, sobrevivente do atentado motivado por vingança no bairro de Rio Novo, em Maceió, é estável, de acordo com o boletim médico emitido pelo Hospital Geral do Estado (HGE). Ele teve a mão direita amputada.

Conforme a assessoria de comunicação do hospital, o paciente encontra-se na Recuperação Pós-Anestésica (RPA) porque foi submetido a procedimento cirúrgico. Ele teve mão direita amputada após trauma grave.

Eduardo foi socorrido pelo Serviço de Atendimento Móvel de Urgência (Samu) e deu entrada no hospital no fim da noite dessa sexta-feira (01).

O CASO

Segundo consta no relatório do Centro Integrado de Operações da Segurança Pública (Ciosp), a primeira morte ocorreu próximo ao terminal de ônibus do bairro, para onde militares do 4º Batalhão foram acionados e constataram que Edvan Brandão da Costa, 33 anos, havia sido assassinado com três facadas que atingiram as regiões do ombro direito, tórax e pescoço.

Após a prática criminosa, o suspeito empreendeu fuga tomando destino ignorado. Logo em seguida, a guarnição foi informada de outro assassinato e uma tentativa de homicídio, também no mesmo bairro. Os militares receberam a informação de que a segunda ocorrência tinha relação com a primeira e foram averiguar em uma localidade próxima. Ninguém foi preso até o momento.

 

 

 

Por Gazeta Web

Notícias Relacionadas

Não há comentários.

Deixe um comentário