Terça-Feira, 26 de Outubro de 2021
Polícia

Suspeito na morte de “Tonho Bagaceira” em Chã Preta é morto em confronto com a PM

Por: Vale Agora Web em 06/03/2017 às 20:58
Néo reagiu e morreu em confronto com a PM. Ele era acusado de inúmeros crimes. (Foto: Arquivo).

Néo reagiu e morreu em confronto com a PM. Ele era acusado de inúmeros crimes. (Foto: Arquivo).

Um homem identificado como José Manoel Dionísio (Néo), de 31 anos, morreu após se envolver em um confronto com policiais na cidade de Atalaia. Natural de Chã Preta, a vítima é apontado como autor de uma tentativa de assalto no Povoado Branca de Atalaia ocorrida na noite do último domingo (05).

Informações repassadas pela PM dão conta que o suspeite teria abordado a vítima, que conseguiu fugir. A polícia deu voz de prisão, mas Néo, como era conhecido teria reagido e atingido por disparos de arma de fogo. O suspeito chegou a ser socorrido e encaminhado ao Hospital Geral do Estado (HGE), onde morreu devido à gravidade dos ferimentos.

A polícia ainda informou a prisão de um segundo suspeito, um irmão de Néo identificado como, Josivaldo, que foi encaminhado para a Delegacia de Viçosa para os procedimentos cabíveis. De acordo com a polícia, José Manoel respondia a processos por assaltos, porte ilegal de arma de fogo e estava com mandado de prisão em aberto.

CRIME DE HOMICÍDIO EM CHÃ PRETA

“Néo” tem uma extensa ficha de crimes praticados na região, é suspeito na morte do popular “Tonho Bagaceira” em Chã Preta. Néo Foi apontado por outro suspeito, de nome Daniel, como sendo autor dos disparos contra Bagaceira, ele foi preso após o crime, mas depois teve a prisão revogada e foi liberado. Néo já havia fugido da delegacia de Viçosa em 2015 e atualmente tinha prisão decretada pela justiça de Alagoas.

Por Redação com Al24Horas

 

 

Notícias Relacionadas

Não há comentários.

Deixe um comentário