Domingo, 22 de Outubro de 2017
Tecnologia

JUMP: você vai querer esse carregador para celular

Por: Vale Agora Web em 24/04/2017 às 7:53

csm_7956253231110434_1f902d8c08Com o acúmulo de funções presentes nos smartphones, não é exagero dizer que eles se tornaram pequenos computadores portáteis. E com cada vez mais recursos, é fácil entender porque as baterias dos smartphones não duram aquelas que eram presentes nos celulares mais antigos. E quem é que nunca sofreu com a falta de energia nos aparelhos quando precisam de alguma ligação ou navegação?

Pensando nisso, um grupo de desenvolvedores da Califórnia (Estados Unidos) decidiu inovar e criar um sistema que permite muito mais possibilidades para os consumidores. Trata-se do JUMP, um sistema de carregamento portátil, que garante a manutenção da bateria dos celulares, ao mesmo tempo em que otimiza o carregamento deles quando ligados a tomadas ou computadores.

O JUMP funciona de um modo bem interessante. Substituindo carregadores comuns, ele deve ser ligado a uma fonte de energia (computador ou tomada) e também ao smartphone. Ele possui uma bateria interna de 800 mAh, que pode funcionar como uma fonte de energia extra para os momentos em que os smartphones ficam sem energia suficiente para algumas funções. E o grande trunfo está no controle inteligente de energia.

Somente depois que o JUMP identificar que a carga do celular está completa é que a bateria do próprio dispositivo começa a ser carregada. Um chip de controle é quem faz a identificação dessa carga, permitindo que os consumidores sempre tenham o máximo da energia possível em seus aparelhos.

O JUMP está no Kickstarter e os desenvolvedores queriam arrecadar US$ 40 mil para iniciar a produção comercial, mas já conseguiram US$ 83 mil — lembrando que ainda faltam mais de 30 dias para o fim da arrecadação. A previsão é que as primeiras unidades do aparelho sejam entregues a partir de maio deste ano — é estimado que nas lojas comuns eles cheguem a US$ 40, tanto na versão USB quanto na versão Lightning.

Fonte: Tecmundo

Notícias Relacionadas

Não há comentários.

Deixe um comentário